Rui Salato, Docente afecto à Faculdade de Economia e Gestão da Universidade Licungo participou de uma conferência organizada pela Sociedade Internacional de Pesquisa para a Gestão Pública (IRSPM) que teve lugar na Finlândia.

Salato apresentou os resultados da sua pesquisa relativa à percepção dos profissionais de contabilidade sobre a transição para a contabilidade de exercício, analisando particularmente o sector público moçambicano.

O Pesquisador destaca aspectos como a necessidade de melhorar a transparência na informação financeira, reduzir o alto nível de corrupção e promover a cultura de prestação de contas por parte dos gestores públicos como um passo importante para facilitar a transição para uma contabilidade aceite internacionalmente, no sector público moçambicano.

GCCI

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *